A ILHA


Autor da obra: Zhaoming Wu
A imagem foi pesquisada aqui

Havia uma porta
No meio do seu peito
Fechada
E janelas sem cortinas
Sem vergonha, escancaradas
Por onde ela fugia
Em noites nuas, estreladas.

Havia um sol do lado de fora
Havia noite dentro da casa
Que agora pede
Que se conceda
Uma indulgência
Um barco a vela
Um vento propício
Daqueles que às vezes sopram
Dos quatro cantos da terra
E a liberte da ilha
A qual fora condenada.
Sandra May - 2015

Postagem original do blog Letras Que Se Movem

Antes de sair deixe seu comentário, critica ou sugestão. Você me ajuda na construção desse blog, obrigada!

Poderá gostar também de

SILENCE
SILÊNCIO

Comentários

Postagens mais visitadas